Jardim da Praça da República (Velas São Jorge)

O Jardim da Praça da República ocupa o largo principal da vila de Velas, local onde em tempos idos esteve localizado o mercado da localidade. Este jardim encontra-se delimitado por muros baixos dotados de um gradeamento superior, canteiros de formas variadas, arbusto e algumas árvores. Ao centro possui um coreto. A regularização da antiga praça e a sua adaptação a jardim iniciou-se em 1836, quando a Câmara Municipal de Velas emitiu uma deliberação no sentido do arranjo urbano daquele espaço. Esse documento obrigava "os porcos do concelho a andarem com anel no focinho e a não atravessarem a praça". Depois, vieram as plantações de árvores já em meados do século; a instalação do coreto em 1898; a iluminação em 1899; os arranjos dos canteiros e outras decorações em pedra queimada, bem como os muros e gradeamentos nos inícios do século XX. O jardim encontra-se no centro de uma envolvente de edifícios e integrado num espaço que não lhe dá qualquer hipótese de crescer. Beneficia no entanto de uma excelente enquadramento arquitectónico dos prédios urbanos que tem em volta. Desses edifícios sobressai o edifício da Câmara Municipal, um dos exemplos máximos do barroco insular na ilha de São Jorge. Do lado oposto a este, ergue-se o edifício da sociedade filarmónica velense, ostentando a sua fachada Art déco característica dos anos 20 e 30 do século XX, de forte colorido, apresenta amplas fenestrações por entre elementos decorativos estilizados da tradição beaux artiana.

4 comentários:

Renata Medeiros disse...

Estes registos trazem- me saudades das minhas Ilhas.

Foi linkado nos meus preferidos!

bjs

Déia Mota (Srta Pooh) e Chef Mota disse...

Olá meu querido
há tempos que naum comento em seu blog sempre rico em fotos maravilhosas
Obrigada pelos emails maravilhosos sempre
Desejo a vc e sua familia um lindo fds
bjinhos carinhosos

Isa disse...

Obrigada pela visita e pelas palavras. Vou partilhar um "segredo" contigo. Aqui vai.
O meu Pai era madeirense.Tinha uma paixão pela sua Ilha.Ñ conhecia os Açores.Perguntaram-lhe a razão.
Meio envergonhado respondeu: tenho
medo de reconhecer q. são mais belos que a Madeira.
Beijo.
isa.

ellen disse...

Olá. Estive neste jardim em 1996... já lá vão uns anitos e adorava voltar :)
Interessante o seu Blog. Aprende-se algo com eles :)
Um abraço